O que você precisa
Cadastre-se e receba as Principais Notícias da Diocese no seu Email

Derrubadas - Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima

Os primeiros colonizadores instalaram-se nesta região por volta de 1930. Quando aqui chegaram encontraram grande quantidade de árvores arrancadas no meio da mata, nas proximidades onde hoje é a Sede do município, formando um grande descampado, uma grande derrubada. Acreditava-se tratar de um vendaval.

Do livro “Campo Novo-Apontamentos para sua História” de Vilmar Campos Bindé, que relata aspectos importantes sobre a nossa história.

“Em 1931 o então General Flores da Cunha, como Interventor do Estado, sendo amigo e conterrâneo de Pedro Garcia, deu a este a concessão para explorar e extrair madeira de Lei na zona da serra de Pari. (primeiro nome de Tenente Portela). Pedro Garcia formou uma cantina à margem do Rio Uruguai (lado esquerdo). Este local leva hoje o nome de Porto Garcia. Naquelas serras e matas Pedro Garcia chegou a Ter cerca de 500 homens cortando e fraquejando madeira. Possuía ele, já então, um trator de esteiras, comprado em Buenos Aires e 15 ternos de bois que puxavam madeira à margem do Rio Uruguai. Cada terno de boi se compunha de 4 ou 5 juntas que puxavam o jogo de rodas do carroção onde vai o pé da viga amarrado com um correntão.

Em 10 de novembro de 1.937, instalando-se o Estado Novo no País, o General Flores da Cunha foi deposto. Logo, resultou no embargo da Empresa de Pedro Garcia. Na época ela se encontrava no auge do trabalho e muito próspera. Aproximadamente 6000 árvores prontas para serem colocadas em balsas, aguardando apenas a cheia do Rio para seguirem seu destino: a exportação para a Argentina e o Uruguai. É natural que os prejuízos foram grandes, sem contar o elevado número de desempregados em face da paralisação da dita empresa. Pedro Garcia, ao que se sabe, ficou arruinado financeiramente, retirando-se da Região juntamente com seus homens. Daí, pela grande quantidade de árvores arrancadas que aqui se encontravam, os primeiros colonizadores deram a este lugar o nome de “Derrubadas”.

15 capelas ( Cap. N. Sr. Da Glória, Cap. São Lourenço, Cap. Santa Maria Goretti, Cap. São Judas Tadeu, Cap. São Valetin, Cap. N. Sr. Medianeira, Cap. Santa Inês, Cap. S. José Operário, Cap. Imaculada Conceição, Cap. Sta Rosa De Lima, Cap. N. S. De Lourdes, Cap. Sagrada Família, Cap Santo Antonio, Cap. São Roque, Cap. São Jorge.

Contato

Telefone: 55 96178828 

E-mail: derrubadas@diocesefw.com.br

Endereço: Avenida Porto Alegre n° 1401, bairro centro.

 


Fotos